Vitor Belfort promete ‘o melhor Belfort’ e chama Sonnen de ‘palhaço’

Escalado às pressas para desafiar o campeão Jon Jones pelo título dos pesos meio-pesados do Ultimate (categoria até 93Kg), Vitor Belfort acredita que a organização tomou a decisão correta. Segundo o carioca, os feitos que ele já realizou na companhia o credenciam mais do que o falatório de Chael Sonnen, adversário que Bones recusou. Motivado, O Fenômeno promete que a melhor versão dele vai aparecer no UFC 152, no dia 22 de setembro.

“Eu tenho história no UFC. Não como alguns palhaços falando no Twitter. Você sabe de que palhaço eu estou falando. Não acho que ele mereça uma chance pelo título, mas acho que o evento (UFC 151) deveria ter continuado com outro lutador. Não sei o que aconteceu, mas sou grato pela luta ter me aparecido. Agradeço muito ao Lorenzo (Fertitta) e ao Dana (White) por me darem a chance e também agradeço aos fãs”, disse Belfort, em entrevista dada no programa UFC Tonight.

“Não que eu ache que eu mereça (o ‘title shot’), mas eu tenho história no UFC. Já fui campeão dos meio-pesados. Não se trata de algo com o Chael, só acho que essa luta casa melhor comigo. Acredito que Jones vs Belfort faça mais sentido. Chael foi vencido por Anderson Silva na última vez que se apresentou, ele não merece um combate pelo título”, completou O Fenômeno. “Eu vou estar muito feliz no octógono quando o gongo soar e vou lutar como nunca antes”, prometeu.