Testosterona demais? “Vitor Belfort x Dan Henderson” é criticada por americano

Para Tim Kennedy, luta entre Belfort e Henderson será para saber quem tem níveis mais altos de testosterona

A cada novo dia mais lutadores expressam suas opiniões sobre a prática da TRT (Terapia de reposição de testosterona) entre competidores de MMA.

Quer ficar bem informado sobre o que acontece no mundo do MMA? Acesse o MMASpace

Quem resolveu atacar a terapia desta vez foi o próximo adversário de Lyoto Machida, Tim Kennedy, a quem Vitor Belfort só aceitaria encarar se a luta fosse realizada no Brasil, local onde possui autorização para atuar sob efeito do tratamento.

Veja mais:
[Vídeo] Sequência de videogame: lutador de boxe promove nocaute sensacional
[Vídeo] Homem sai da plateia e nocauteia em 45 segundos na Rússia
Assista o melhor do MMA na íntegra na hora que você quiser! Assine o EI Plus!

Na visão do americano, nenhum atleta poderia competir com o que considera algo que “fere a imagem do esporte”, e acrescenta que o duelo entre Belfort e Dan Henderson, veterano que também é adepto da TRT (Terapia de reposição de testosterona), será nada mais do que uma competição de quem terá mais testosterona sintética no corpo, como afirma ao Bleacher Report.

“A verdadeira competição para estes dois será ver quem vai ter os níveis mais altos de testosterona durante a preparação para a  luta. Quem tiver será o vencedor,  não há razão para esses caras irem até o cage.  Se você tem um cara que só pode lutar em um cenário onde ele injeta  testosterona sintética em seu corpo, ele não deveria estar lutando. Este é o MMA – integridade, legado, disciplina – isto não é o beisebol do Mark MaGwire. Ele quase matou o esporte. Alguém precisa perceber que isso é prejudicial ao esporte”.

“Sua exigência para me enfrentar (Belfort) é que a luta fosse no Brasil. Se eu recebo uma chamada para lutar, me dizem o local e eu aceito. Eu não saio por aí dizendo, ‘bem, eu só vou lutar  se nos encontrarmos em Austin, Texas’. Lute limpo, pare de usar esteroides”., atacou o ex-lutador do Strikeforce afunilando a crítica sobre excesso de testosterona a Vitor Belfort.

Vitor Belfort e Dan Henderson serão as estrelas do UFC Fight Night 32, agendado para o dia 9 de novembro em Goiânia. Essa história sobre terapia de testosterona ainda tende a render muita repercussão.