Cristiano Ronaldo teve o melhor ano da carreira, mas não levou...

Português, mais uma vez, ficou atrás de Lionel Messi na disputa pela Bola de Ouro

Nesta segunda-feira, a história se repetiu novamente. Ainda não foi dessa vez que Cristiano Ronaldo superou seu principal concorrente, Lionel Messi, e pôde conquistar o prêmio de Melhor Jogador do Mundo pela segunda vez. Será que dessa vez o português merecia ter levado a melhor?

Os técnicos e capitães de seleções, responsáveis por escolher o melhor jogador do mundo através de uma votação, preferiram premiar a individualidade, já que Messi quebrou diversos recordes no último ano. Mas o português tem números que mostram, além de grande destaque individual, muita importância no jogo coletivo.

Veja também:
- Stoch desbanca Neymar e vence o Prêmio Puskas de gol mais bonito de 2012
- Messi é eleito melhor do mundo pela quarta vez
- Cristiano Ronaldo relativiza importância da Bola de Ouro

Em 2012, CR7 marcou 63 vezes, sendo 58 com a camisa merengue e cinco com a camisa de Portugal. Além disso, deu 13 assistências, totalizando 76 participações diretas em gols, em 71 partidas. No ano em que mais balançou as redes na carreira, Cristiano Ronaldo se tornou o sexto maior artilheiro do Real Madrid na história do Campeonato Espanhol (onde o Real Madrid foi campeão 9 pontos acima do Barcelona) e assumiu o nono lugar na artilharia de todos os tempos da Liga dos Campeões da Europa. Em 2012, Cristiano marcou hat-tricks (3 gols em um único jogo) em quatro jogos, e fez dois gols em uma partida 11 vezes.

Além de superar o Barcelona na tabela do Campeonato Espanhol, Cristiano Ronaldo marcou sete gols contra os rivais na última temporada. Não bastasse, a equipe catalã é, ao lado, do Málaga, a principal vítima de CR7, tendo suas redes vazadas pelo craque 10 vezes.

Top 10 Cristiano Ronaldo 2012Veja os melhores gols do concorrente a Bola de Ouro, Cristiano Ronaldo, em 2012.