Sport bate Botafogo-PB e garante classificação na Copa do Nordeste

Leão venceu Belo por 1 a 0, com gol de Neto Baiano

O Sport venceu o Botafogo-PB na noite desta quinta-feira (6) pela sexta rodada da Copa do Nordeste. O placar em 1 a 0 garantiu a classificação do Leão para o mata-mata do torneio, enquanto o Belo perdia sua chance de seguir na competição. O Sport pressionou bastante os adversários e não deu chances para que os botafoguenses buscassem a vaga na próxima etapa.

Veja também:

- Assista, ao vivo e online, a todos os jogos da Copa do Nordeste

No primeiro tempo, o duelo entre Sport e Botafogo-PB foi truncado, com muitas faltas no meio de campo. O Sport chegava, principalmente, com Neto Baiano, mas o atleta era barrado pela defesa botafoguense. O goleiro Genivaldo salvou algumas vezes a equipe paraibana de sofrer gols na primeira etapa e o Botafogo-PB quase não ameaçou a meta do Sport. Enquanto isso, com o resultado da partida entre Guarany de Sobral e Náutico, o Sport se classificava mesmo com o empate. Com 14 minutos, Celico sofreu uma falta na esquerda e, no levantamento de Ferreira, a defesa conseguiu salvar. Aos 20, o Belo chegou novamente, com um belo chute de Doda, que passou próximo ao travessão de Magrão. O Sport, no entanto, voltou a comandar a partida. Rithely chutou após receber um passe de Durval, mas chutou no meio do gol, e a tentativa foi defendida por Genivaldo. O Leão passou a pressionar o adversário, que tentava cadenciar o jogo. Aos 38 minutos, o ataque do Sport conseguiu trocar passes na área e o goleiro Genivaldo teve, de novo, que salvar o Botafogo-PB. Apesar de um gol classificar a equipe paraibana, o Sport não deu espaço para o adversário buscar o resultado. Com isso, o primeiro tempo terminou em 0 a 0.

Leão vai em busca da vaga no mata-mata

No segundo tempo, o Sport voltou disposto a garantir a classificação. O rubro-negro pressionou bastante o adversário, e Neto Baiano, em duas cobranças de falta - e ajudado pela forte chuva que caía na Ilha - por pouco não abriu o placar para o Leão. Aos 14 minutos de jogo, o próprio Neto Baiano marcou um golaço para sacramentar a classificação: o centroavante recebeu um cruzamento da esquerda, matou no peito e chutou no ângulo esquerdo, indefensável para Genivaldo. Depois do tento, o Botafogo-PB precisaria de dois gols para continuar na luta pela vaga no mata-mata. Com o placar positivo, o Sport passou a dar mais espaço para o Belo, que desperdiçou uma chance clara com Cléo. O atleta recebeu pela direita sozinho e chutou. Magrão, adiantado, conseguiu defender. O técnico interino Eduardo Baptista colocou Sandrinho e Felipe Azevedo para manter a postura ofensiva do time e não deixar o adversário jogar. Com 28 minutos, Cléo por pouco não empatou para o Botafogo-PB, e fez o goleiro Magrão se esticar todo para salvar a meta dos pernambucanos. Apesar de não se fechar, o Sport cadenciou mais a partida, enquanto o Botafogo-PB não conseguia chegar com perigo ao ataque. Aos 38 minutos, Baptista colocou o volante Naldinho para segurar o resultado, o que acabou abrindo mais espaço para que o Botafogo-PB criasse suas jogadas. Cléo voltou a chegar com perigo na área do Sport e foi derrubado, criando uma falta perigosa para o Belo aos 40 minutos, mas a cobrança ensaiada não foi bem sucedida.

Com a definição dos confrontos das quartas de final da Copa do Nordeste, o Sport enfrenta o CSA. O Leão, por ter se classificado na segunda posição, terá que decidir a vaga fora de casa.

SPORT X BOTAFOGO-PB
Local: Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Data: 06/02, às 20h30

SPORT: Magrão; Patric, Ferron, Durval e Renê; Ewerton Páscoa, Rithely, Aílton (Sandrinho) e Ananias (Naldinho); Neto Baiano e Érico Júnior (Felipe Azevedo). Técnico: Eduardo Baptista.

BOTAFOGO-PB: Genivaldo; Ferreira, Magno Alves, Éverton (Igor) e Celico; Hércules, Zaquel, Doda e Lenílson (Warley); Frontini e Rafael Aidar (Cléo). Técnico: Marcelo Vilar.