Nicholas Santos é campeão mundial nos 50m borboleta

O Brasil conquistou neste sábado o seu primeiro ouro no Mundial de Natação em Piscina Curta, que está sendo disputado em Istambul, na Turquia. A medalha veio com Nicholas Santos, nos 50 metros borboleta, confirmando todo o favoritismo que ele já havia comprovado durante as fases eliminatórias.

Nas três vezes que caiu na piscina em Istambul o atleta do Flamengo e do Exército Brasileiro bateu o recorde do campeonato. Ele começou com 22s40 na eliminatória, igualando a marca do venezuelano Albert Subirats, que vinha desde 2010, fez 22s23 na semifinal e foi campeão marcando 22s22. A meta de nadar na casa dos 21 segundos não foi atingida.

A prata na prova ficou com o sul-africano Chad Le Clos, campeão olímpico dos 100m borboleta, com o tempo de 22s26. O norte-americano Thomas Shields cravou 22s46 para faturar o bronze.

Outro brasileiro que nadou final neste sábado com chances reais de medalha, Guilherme Guido foi mais rápido do que nas semifinais, mas não conseguiu o pódio. O nadador, que já havia faturado o bronze nos 100m costas, terminou a final do 50m na quarta colocação, com o tempo de 23s25. Outro brasileiro a competir, Daniel Orzechowski terminou no sétimo lugar, com 23s47.

O ouro da prova ficou com o australiano Robert Hurley, com 23s04. O norte-americano Matthew Grevers chegou em segundo e o russo Stanlislav Donets em terceiro. Nos 100m a ordem havia sido: Grevers, Donets e Guido, com Hurley em quinto.