Dono do UFC confirma Anderson Silva x Chris Weidman para o dia 6 de julho

Evento acontece dia 6 de julho, durante feriado de independência norte-americana, em Las Vegas

Chris Weidman, enfim, vai ter o sonho realizado. Depois de derrotar Demian Maia e Mark Muñoz, o americano vai ter a chance de enfrentar o brasileiro campeão dos médios, Anderson Silva. A notícia de ques os dois vãos e enfrentar foi confirmada pelo CEO da empresa que comanda o UFC, Lorenzo Fertitta. A luta acontece em las Vegas, no dia 6 de julho, durante a semana do feriado de independência norte-americana.

Leia Também:
- Douglas Lima quebra a mão e a final do GP do Bellator é adiada
- Nick Diaz chama St-Pierre de louco por não querer duelo contra Anderson Silva
- Melhores nocautes do ano no Bellator
- No EI Plus você assiste online todas às lutas históricas do Anderson Silva no Cage Rage quantas vezes quiser online no seu computador.

Apesar de Anderson Silva nunca ter parecido se interessar pela luta contra o americano, a luta de Georges St-Pierre contra Nick Diaz no UFC 158 e derrotas de favoritos como Michael Bisping, Tim Boetsch e Hector Lombard fizeram Weidman ser a única opção para uma disputa de cinturão. O lutador sempre pediu uma chance contra o campeão, mas uma lesão no ombro o afastou do octógono. Aos 28 anos de idade, o lutador volta a lutar depois de um ano, quando derrotou Muñoz.
Muito confiante, a nova esperança para destronar Anderson Silva até já havia dito que tiraria o cinturão do Spider em um card no Brasil e concederia uma revanche no Madison Square Garden, em Nova York. Já Anderson Silva fez a última aparição no UFC em outubro, ao lutar entre os meio-pesados contra Stephan Bonnar e nocauteá-lo. O brasileiro nunca perdeu desde que estreou no UFC em 2006 e já acumula dez defesas de cinturão, recorde do evento. "É um sonho que vira realidade. Anderson é o campeão desde que comecei a lutar e eu me vejo o derrotando", disse o americano ao New York Newsday.

O evento que colocará Weidman e Silva frente a frente ainda não está oficialmente anunciado, mas deve ser o UFC 162.