Sem 'medalhões', Spirit Sports vence as 500 Milhas de Kart

Supresa nas 500 Milhas de Kart, tradicional prova do kartismo nacional, que neste ano foram disputadas no Beto Carrero World, em Santa Catarina. A equipe Spirit Sports ficou com o título, após completarem as 650 voltas do percurso em 11h39m21s115. Sem nomes consagrados, a equipe bateu equipes como as montadas por Christian Fittipaldi, Rubens Barrichello e outros grandes nomes do automobilismo nacional.

O triunfo veio após um fim de prova tenso. Durante toda a disputa, a pista permaneceu seca. Contudo, na hora final, a chuva apareceu em Penha (SC) e trouxe contornos dramáticos à corrida. Melhor para Alexandre Ruiz, João Pretto e Ernani Kuhn, que saltaram para a liderança nas últimas 50 voltas, posição da qual não sairiam mais.

A equipe Slice/Fittipaldi, dona da pole position e atual campeã das 500 Milhas, ficou com a segunda posição na prova. O time formado por Cristian Fittipaldi, Danilo Dirani, Vitor Meira, Felipe Guimarães e Nelsinho Piquet terminou o percurso a 16s966 dos líderes. O pódio foi completado pela Insano Racing, de Julio Campos, Gabriel Casagrande, Lucas di Grassi, Rubens Carrapatoso, Pedro Bianchini e Beto Rich, que cravaram a 39s873 dos campeões.

Esta foi a 16ª edição da prova, que anteriormente era disputada no Kartódromo da Granja Viana, em São Paulo. O maior vencedor é Rubens Barrichello, ex-piloto da Fórmula 1, que faturou oito taças. Desta vez, no entanto, ele não figurou entre os melhores colocados, uma vez que os dois karts em que competiu tiveram problemas ao longo do dia.