Martino diz que Messi influenciou escolha do Barcelona

O técnico Gerardo Martino admitiu nesta terça-feira que Lionel Messi foi determinante na sua contratação para comandar o Barcelona em substituição a Tito Vilanova. O novo comandante do time catalão também assegurou que é ele quem deve se adaptar à filosofia de jogo do seu novo clube, e não o contrário.

"Não tenho nenhuma dúvida de que Jorge (pai de Messi) e Lionel tiveram importância. Eles certamente falaram com os dirigentes do clube. Certamente pediram uma opinião e chegamos a este final. O porcentual da influência, não conheço", disse Martino, em entrevista coletiva em Rosário, onde tem residência.

Nesta terça, o Barcelona anunciou a contratação de Martino, o que foi considerado uma aposta arriscada, pois o treinador nunca trabalhou no futebol europeu, para substituir Vilanova, que deixou o comando do time após uma recaída no seu câncer de garganta.

Martino, que vai assinar um contrato por duas temporadas, foi campeão do Torneo Final do Campeonato Argentino neste ano e também avançou até as semifinais da Copa Libertadores pelo Newell's Old Boys, mas depois deixou o comando do time. Antes, levou a seleção paraguaia até as quartas de final da Copa do Mundo de 2010 e foi vice-campeão da Copa América de 2011.

O treinador é oriundo de Rosário, cidade onde nasceu Messi. E Martino revelou estar empolgado com a chance de dirigir o craque argentino. "Esperamos poder ajudá-lo para que continue sendo o jogador de futebol extraordinário que é", disse Martino, que também destacou a importância da função que está assumindo. "Esta etapa é algo que qualquer treinador deseja. O que mais desafia é estar à altura".

O novo técnico do Barcelona também descartou a possibilidade de mudar o estilo de jogo do time. "Há uma instituição que tem uma forma de vida e de jogar adotada há muito tempo, e nós é que vamos nos inserir neste mundo", disse Martino, prometendo manter o estilo de jogo vistoso do time catalão.