Casca Grossa

Revista aponta UFC como a marca mais licenciada do Brasil

Anderson: catapultaO fenômeno do UFC já é realidade também em cifras no Brasil. Há dois anos, o programa de licenciamento da marca teve início e alcançou sucesso intenso após a realização do primeiro evento no Rio de Janeiro, em agosto de 2011, além da política declarada do presidente Dana White em investir pesado em todo entorno da organização em território nacional.

**Siga o Blog no Twitter:@cascagrossablog
***CURTA o Casca-Grossa no Facebook!

O site da Revista Exame publicou recentemente que o Grupo Exim Licensing Brasil, que detém os direitos da América Latina para o UFC e o TUF (The Ultimate Fighter, reality show da organização), tem atualmente contrato com 25 empresas pelo País, com mais de 400 itens ativos na categoria.

No ano passado, as vendas foram impulsionadas em 40% e deve ter uma crescente até o fim de 2012. A meta para 2013 é ter mais de 500 produtos em catálogo

Obviamente, o carro-chefe são artigos esportivos como luvas, protetores e sacos de areia, além de cadernos, mochilas, óculos e miniaturas dos principais lutadores.

O próximo Ultimate brasileiro acontece dia 13 de outubro, mais uma vez no Rio. Anderson Silva, o lutador mais popular do País, encabeça a atração principal contra o norte-americano Stephan Bonnar, e o fato pode rechear ainda mais os números acima em curto período de tempo.

>Leia mais sobre MMA no Yahoo!
Gigante holandês pede Werdum
Clay Guida desce para os pesos penas
Nick Diaz pede revisão da pena por doping