Posts do blog de Vitor Sergio Rodrigues

  • Sem Ibra, PSG tem o teste para ‘entrar na elite’ de vez

    De time do meio da tabela em seu campeonato nacional para a elite europeia (e, consequentemente, mundial) em três anos. É o caminho do Paris Saint Germain desde o milionário investimento do fundo Qatar Investment Authority em 2011 até agora. A afirmação de que o PSG pode encarar qualquer gigante de igual para igual pode ficar cristalina para o "grande público" nesta terça-feira, com uma eventual classificação à semifinal da Liga dos Campeões, eliminando o Chelsea de José Mourinho em Londres.

    Curiosamente, esse fenômeno aconteceu com o próprio Chelsea, que de "figurante" em seu país (naquela ocasião) virou um time temido em todo o continente quase que de forma instantânea, após a enxurrada de libras promovida por Roman Abramovich no início da década passada. Nas duas primeiras temporadas da "fase rica", o Chelsea foi à semifinal da Liga dos Campeões. O PSG na segunda temporada foi às quartas-de-final e agora, na terceira, leva a vantagem do 3 a 1 obtido na capital francesa para a partida

    Saiba mais »de Sem Ibra, PSG tem o teste para ‘entrar na elite’ de vez
  • Real e Bayern se dão muito bem no sorteio das quartas da UCL

    O jornal Marca disse: eram 8 bombas no sorteioAs bolinhas deram o seu veredito no sorteio das quartas-de-final da Liga dos Campeões. Eram oito timaços no pote e o destino emparelhou-os em quatro duelos. Segue abaixo a minha análise deles:

    Barcelona x Atlético de Madrid: É o confronto mais parelho. O Barça instável contra um Atlético muito físico, que aprendeu a jogar contra o Barcelona e cresce muito de desempenho em mata-mata. Acho Barça um pouco favorito, 55 a 45, por ter mais experiência em momentos decisivos da Liga dos Campeões (o Atlético não chegava a este momento desde 1997) e por ter mais individualidades (especialmente Messi voltando a ótima forma).

    Real Madrid x Borussia Dortmund: O Real Madrid está muito mais forte e o Dortmund muito mais fraco do que no confronto do ano passado. Real amplamente favorito, com uma ataque avassalador, um Cristiano Ronaldo no ápice da carreira e um time muito sólido atrás. O Dortmund, se estivesse completo, já era mais fraco do que o que eliminou o Real na semifinal. Sem Subotic, Kuba,

    Saiba mais »de Real e Bayern se dão muito bem no sorteio das quartas da UCL
  • COB responde ao blog

    O Superintendente Executivo de Esportes do COB, Marcus Vinícius Freire, entrou em contato com o blog, se mostrando contrariado pelo teor do post anterior, sobre a campanha de arrecadação de fundos para a recuperação da atleta Laís Souza. Registro aqui os pontos levantados por ele.

    1) Marcus Vinícius disse que Laís Souza não estava a serviço do COB, pois quando se machucou não estava classificada para a Olimpíada, não participava de nenhuma delegação do COB ou de qualquer prova eliminatória ou classificatória para os Jogos Olímpicos.

    2) Marcus Vinícius argumentou que hoje no Brasil há cerca de 4 mil atletas de alto rendimento treinando com o objetivo de, um dia, disputar uma Olimpíada. E que esses atletas não estão a serviço do COB.

    3) Marcus Vinícius destacou que o COB está acompanhando Laís Souza desde o dia do acidente, fisicamente e financeiramente, mesmo sem ter obrigação de fazê-lo.

    4) Marcus Vinícius afirmou que a campanha pensa no futuro da atleta, buscando levantar recursos

    Saiba mais »de COB responde ao blog
  • A ‘vaquinha’ para Laís Souza e o asqueroso papelão do COB

    É cada vez mais assustadora a capacidade de os dirigentes esportivos brasileiros serem cara-de-pau. Neste domingo foi lançada pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB) uma asquerosa campanha na internet para arrecadar dinheiro para o tratamento da ex-ginasta Laís Souza. A esportista sofreu uma lesão grave na terceira vértebra da coluna quando estava a serviço do COB na preparação para os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, no mês passado.

    Você deve estar pensando que eu estou maluco por chamar de asquerosa uma campanha para arrecadar fundos para um motivo tão nobre. Mas não estou não. O que os nossos dirigentes querem fazer parecer é que a campanha é um baita favor que o COB está fazendo para a pobrezinha da ex-ginasta. Uma atitude asquerosa, que escancara qual o destino de atletas que se acidentarem a serviço do COB: rezar para uma "vaquinha" ser bem sucedida.

    O mínimo que o COB deveria fazer era custear TODO o tratamento da Laís Souza. Em todas as suas fases, até quando ela tivesse zero

    Saiba mais »de A ‘vaquinha’ para Laís Souza e o asqueroso papelão do COB
  • Quadrado Mágico, Quadrado Trágico, Nike e Parreira

    No dia 29 de junho de 2005 o Brasil entrou no gramado da Commerzbank Arena, em Frankfurt, e atropelou a Argentina por 4 a 1 na final da Copa das Confederações. Os 11 jogadores que começaram o baile dado nos hermanos estão no campinho abaixo. Reparem que não tem Cafu, Roberto Carlos e Ronaldo, que foram "poupados" da competição pelo técnico Carlos Alberto Parreira. E o Brasil saiu da Alemanha com o "Quadrado Mágico" criado e como favorito ao hexacampeonato.

    Quadrado que funcionava: Cicinho, Gilberto e Robinho

    Avançando oito meses no tempo, Parreira abriu a entrevista coletiva da convocação final para a Copa do Mundo de 2006 dando a seguinte resposta sobre o critério de convocação de jogadores nitidamente longe da forma ideal, mais especificamente Ronaldo: "O critério é não ter critério". Essa excrescência de resposta passou batido para a maioria, mas nunca saiu da minha cabeça. Como o treinador da seleção brasileira justifica a lista para uma Copa do Mundo não tendo critério?

    Corta para alguns meses à frente e na Copa do Mundo vemos um

    Saiba mais »de Quadrado Mágico, Quadrado Trágico, Nike e Parreira
  • De zero a dez: o resumo do fim de semana esportivo

    De_Zero_a_DezHora de dar nota para o que aconteceu de relevante no fim de semana esportivo. Teve time que virou o maior vencedor de sua modalidade conquistando a nota 10! Confira todas elas!

    NOTA 0 — MORTE NO FUTEBOL — Mais uma pessoa morre em confronto entre bandidos de quadrilhas organizadas, que se dizem torcedores de Santos e São Paulo. Barbárie. Mais uma.

    Sugestão de @JoãoSergio, no Twitter.

    NOTA 1 — MEDO NO CORINTHIANS — Está ficando feio o pavor que integrantes do Corinthians estão mostrando das quadrilhas organizadas que invadiram o clube. As câmeras não funcionam, diretores que subiram o tom estão voltando atrás e até o atacante Guerrero desmentiu ter sido agredido. Vergonha.

    NOTA 2 — CBB — A Confederação Brasileira de Basquete foi esculhambada pelo diretor da Fiba America pela péssima administração, que se retrata em uma condição financeira lamentável. O dirigente disse que a CBB não pagou a "jóia" por ser convidada para o Mundial e que desistiu de se candidatar a receber o Pré-Olímpico

    Saiba mais »de De zero a dez: o resumo do fim de semana esportivo
  • Quem diria que o físico seria fator vital em City x Barça

    De um lado Yayá Toure, Aguero, David Silva, Navas, Negredo, e muito mais. Do outro, Messi, Xavi, Iniesta, Fàbregas, Neymar e cia.. Muita qualidade técnica, sem dúvida, alguma. Não deixa de ser curioso que o fator físico possa ser o mais importante no primeiro jogo do duelo entre Manchester City e Barcelona, valendo uma vaga nas quartas-de-final da Liga dos Campeões. O Esporte Interativo mostra essa jogaço, ao vivo para todo o Brasil, nesta terça-feira, às 16 horas.

    O Manchester City vem assombrando a Europa com um ataque poderosíssimo, especialmente quando joga em casa. Mas não terá seu melhor atacante no jogo de ida: Kun Aguero. Com uma lesão muscular na coxa direita, o argentino está fora. Outro que sofre do mesmo mal é o brasileiro Fernandinho que, no entanto, tem chance de estar em campo. Resta saber em que condições.

    Do lado do Barcelona, só boas notícias. Messi está recuperado das lesões musculares que o feriram em 2013 e, a julgar pelo desempenho neste ano (10 gols e 7

    Saiba mais »de Quem diria que o físico seria fator vital em City x Barça
  • Prova dos 9: Kaká, Callejón e a perseguição de Mourinho

    Nas últimas duas temporadas no Real Madrid, virou rotina o brasileiro Kaká ser preterido do time titular e de minutos em campo pelo meia-ponta espanhol José Callejón, revelado no Real Madrid B, que apareceu bem no Espanyol e foi contratado pelo time merengue no meio de 2011. Especialmente em jogos mais "pegados" e da Liga dos Campeões.

    No Brasil era comum ouvir que se tratava de uma perseguição e/ou boicote do técnico José Mourinho ao jogador brasileiro, que sofria com problemas de lesão, para conseguir ritmo de jogo e, principalmente, se encaixar no esquema e ser produtivo para a equipe. Isso virou uma verdade para muita gente, independentemente de observar o momento do brasileiro e procurar conhecer as características do espanhol.

    Uma temporada depois, nenhum dos três está no Real Madrid. Mourinho foi para Londres. Kaká e Callejón estão na Itália. Uma rápida comparação entre o desempenho dos dois mostra que o espanhol está muito mais "disponível" e vem sendo muito mais produtivo no

    Saiba mais »de Prova dos 9: Kaká, Callejón e a perseguição de Mourinho
  • O que o Flamengo precisa saber sobre o León

    POST ESCRITO POR PETRICK MORENO, UM DOS MAIORES ESPECIALISTAS DO FUTEBOL MEXICANO NO BRASIL (@PETRICKMORENO NO TWITTER)

    Alguns dizem que o encanto acabou, outros dizem que o León fez todos os gols de seu estoque no último mata-mata da Liga Mexicana, onde atropelou todos os seus adversários, inclusive o América na final, vencendo no agregado por 5 x 1.

    A modesta 14° colocação no atual Clausura 2014 reflete visivelmente a queda de rendimento do León em 2014. Com um aproveitamento de apenas 27,78% e apenas 6 gols em 6 rodadas, aquele ataque arrasador e impiedoso do Apertura 2013 definitivamente não tem dado as caras. Mas isso não significa que a equipe não tem criado oportunidades de gols, muito pelo contrário. Na última partida da equipe no campeonato, por exemplo, “La Fiera” finalizou 24 vezes ao arco adversário (sete finalizações na meta, 15 finalizações de dentro da área e nove arremates de fora da área). Na ocasião, o León perdeu em casa para o Pumas por 2 x 1.

    Individualmente é uma

    Saiba mais »de O que o Flamengo precisa saber sobre o León
  • Coutinho fica para 2018 e Miranda para nunca

    Apesar do título do post, acho que a última convocação de Felipão antes da lista definitiva para a Copa do Mundo de 2014 foi boa. Manteve o trabalho com a base que vem sendo chamada, a mesma que recolocou o Brasil na condição de seleção temida (algo perdido durante o trabalho de Mano Menezes) e abriu o leque para duas posições (por motivos diferentes): a lateral-direita (e talvez a esquerda também) e a de volante. Mas essa relação deixa claro que dois jogadores que estão voando ficarão fora: Phillipe Coutinho e Miranda.

    A LISTA: saiba os 16 jogadores convocados por Felipão

    Menos mal para o meia do Liverpool, que vem jogando muito bem e sendo um dos principais jogadores dos Reds. Com apenas 21 anos, Coutinho tem total condição de ser uma das referências da equipe na próxima Copa, em 2018. O fato de não ter sido chamado nenhuma vez pelo treinador pesou, faltou tempo. E teve um pouco de falta de sorte em ter se machucado na convocação anterior. Talvez, essa era a oportunidade...

    Já o caso

    Saiba mais »de Coutinho fica para 2018 e Miranda para nunca

Paginação

(91 artigos)

Autores de blog / Perfis

Colaboradores regulares:

Vitor Sergio Rodrigues